domingo, 18 de dezembro de 2011

Felicidade

*
Eu te desejava ardentemente
Eu te procurava ansiosamente
Sem te encontrar.
Procurei-te nas festas, na alegria,
Mas aí, nunca te via.
Penetrei em ambientes requintados,
Vendo sempre frustrados
Meus anseios de te achar.
Voltei com desalento, desnorteada,
De regresso de minha caminhada.
Encontrei o sofrimento, a lágrima de dor,
Sequei o pranto, consolei o sofredor
E prossegui.
O ódio. com sua máscara de horror,
Transformei-o, em amor.
Deparei depois com a impaciência,
Mostrei-lhe a Fé, falei-lhe da clemência.
Alguém se despenhava na degradação,
A esse alguém, amparei e dei-lhe minha mão.
E assim de volta da jornada,
Vinha tão, tão ocupada,
Em amparar, em ajudar, em socorrer,
Ansiosa por estender mais as minhas mãos
Para atender a outros meus irmãos,
Que reparei não haver mais necessidade
De te procurar
Porque já moravas comigo, Felicidade!
*
Cenyra Pinto
Texto retirado do Livro: A Verdade e Vida.
Todos os Créditos da Mensagem a Autora acima.
VOLTE SEMPRE.
EU AMO SUA VISITA.
FIQUE COM DEUS.
BEIJOS EM SEU CORAÇÃO COM CHEIRINHO DE JASMIM.

2 comentários:

  1. Belo texto, a verdadeira felicidade está em ajudar e amparar os nossos irmãos e irmãs mais próximos.

    ResponderExcluir
  2. .


    Feliz ano novo. Pensamento
    positivo e crença no futuro.
    Foi no Espírito Santo o lan-
    çamento dos meus dois outros
    livros. Foi muito interessante
    e por que não dizer, encanta-
    dor...

    silvioafonso.


    Porque gostei estou seguindo
    o seu blog. Caso goste, siga
    o meu...




    .

    ResponderExcluir

COMENTE DEIXE UM POUQUINHO DE VOCÊ NESTE ESPAÇO.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...